Cabeção de Nego

Pois é só de Gustav Mahler que se faz a vida

leave a comment »

Eu não sei quanto à sua, de quantos medos e prazeres e, sobretudo, de quais medos e prazeres: sei também que não nasci ao som da feiura perfeita de um Miles Davis, e foi absoluta falha minha, da qual sei que jamais merecerei perdão. Mas é de álcool, e é de vida, e é de tentar perder medos e abandonar anseios… não vou te acompanhar, desculpe-me. Vá sozinha, não: eu vou sozinho; vá com quem melhor lhe apraz, com quem melhor lhe couber, com quem topar… pouco me importa.

É porque ontem eu ouvi que não precisava fazer sentido e eu achei que não e apostei de verdade que, muito ao contrário do que vocês pensam, para Marcel, uma roda de bicicleta ou um mictório faziam, e eu juro por deus, todo o sentido, todo o sentido do mundo.

.

Se não fossem estes exatos 11 minutos e 43 segundos o que teria sido da minha vida? Revele-me o que teria sido dela sem aqueles outros 11’49”.

Não é que nada tenha sentido, não é esse niilismo tão intenso quanto o único que você consegue compreender, é só que eu não preciso inventá-lo, o Diabo do sentido.

Em quê a beleza de um Mahler? Em quê a feiura explêndida de um Davis? Em quê este mundo maravilhoso, indecifrável, sublime, imenso… falha? Por que eu precisaria de mais que Davis, Mahler e uma dose de Ballantines, para compreender a essência do quanto eu ainda for?

Ouvindo Feio* de Miles Davis e Trauermarsch (5. Sinfonie) de Gustav Mahler: bebendo algumas latas de Antarctica. Esperando a vida chegar de volta do trabalho.

Anúncios

Written by Daniel

junho 4, 2011 às 12:44 am

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: